ESTUDO SOBRE MODELOS FABRICADOS EM IMPRESSÃO 3D PARA MOLDES DE FUNDIÇÃO

Autores

Resumo

O tema do estudo em questão envolve a tecnologia de impressão 3D e seu ingresso na área de fundição. O tema vem sendo cada vez mais pertinente, com o crescimento vem surgindo algumas dúvidas e curiosidades referente ao seu ingresso no meio fabril. A problemática do trabalho se concentra em analisar o processo de impressão 3D visando a obtenção de resultados que favorecem o uso dessa tecnologia para a fabricação de modelos para a fundição, tendo em vista seu desgaste superficial, já que se trata de material abrasivo (areia) para fabricação dos moldes a serem fundidos. Com a quebra de moldes impressos observou-se a necessidade de fazer alguns ensaios de tração, ensaio de dureza e medição de rugosidade nos materiais. Assim o objetivo deste estudo é fazer teste com dois materiais diferentes (ABS e PLA) para melhor aplicação dentro do ramo. A pesquisa tem natureza de solucionar um grande problema escolhendo melhor material e mais adequado para o processo. A medição de rugosidade com o efeito da pintura PU, nos trouxe melhorias significativas em relação aos corpos de prova natural impressos, PLA teve redução de 2,677 µm para 0,813 µm e nos cps de ABS foi de 3,888 µm para 0,755 µm, 81% de redução. A pintura mostra resultados visíveis em sua rugosidade, porem em sua medição de dureza os corpos de prova (ABS e PLA) obtiveram em torno de HD a mais para cada corpo de prova pintado, se tornando quase desprezível.

Arquivos adicionais

Publicado

2024-01-31

Como Citar

TINELLI, E. P.; MEZZARI, L. C.; DALEFFE, A.; MARCH, G. de. ESTUDO SOBRE MODELOS FABRICADOS EM IMPRESSÃO 3D PARA MOLDES DE FUNDIÇÃO. Revista Vincci - Periódico Científico do UniSATC, [S. l.], v. 8, n. 2, p. 490–514, 2024. Disponível em: https://revistavincci.satc.edu.br/index.php/Revista-Vincci/article/view/341. Acesso em: 24 abr. 2024.

Edição

Seção

Mestrado em Engenharia Metalúrgica