VAREJO-EMOÇÃO, UM POSICIONAMENTO MERCADOLÓGICO CONTEMPORÂNEO

ESTUDO DE CASO BRECHÓ DONA ANITA

Autores

  • Pâmela de Fátima Oliveira
  • Elton Luiz Gonçalves Faculdade SATC

Resumo

Com a mudança de comportamento constante dos consumidores, as empresas vêm adotando novas práticas e posicionamentos que as possibilitem acompanhar o mercado. Essa transformação fez com que a abordagem dos brechós também sofresse alterações. Assim, a proposta deste artigo foi analisar o Brechó Dona Anita por apresentar uma ideia diferente de varejo daquela utilizada tradicionalmente pelas empresas deste ramo. Esta pesquisa teve como objetivo analisar o modelo de varejo-emoção, o qual realiza uma experiência de compra memorável para o cliente. Para isto, foi fundamentado – por meio de referências bibliográficas – os conceitos básicos de varejo, seus principais formatos e posicionamentos, tendências, o brechó, a moda brechó e os novos conceitos das lojas brechós, além da moda consciente que esse nicho visa praticar/promover. Para reconhecer o brechó como um varejo de emoção, foi realizada uma pesquisa que analisou os atributos de compra memorável propostos por Sousa e Serrentino (2002), entre outros autores. A pesquisa buscou ainda, mostrar como o varejo de brechó vem se destacando no mercado contemporâneo com a adoção desse novo posicionamento. Por fim, foi possível identificar por meio da análise da pesquisadora e com a complementação por parte dos entrevistados, como o brechó Dona Anita valoriza atributos intangíveis e proporciona uma experiência de compra memorável, e assim, seu posicionamento como varejo-emoção.

Biografia do Autor

Elton Luiz Gonçalves, Faculdade SATC

Professor da Faculdade SATC de Criciúma, leciona nos cursos de Design Gráfico, Publicidade & Propaganda e Jornalismo nas disciplinas de Produção Audiovisual.

Arquivos adicionais

Publicado

2022-08-19

Como Citar

DE FÁTIMA OLIVEIRA, P.; GONÇALVES, E. L. VAREJO-EMOÇÃO, UM POSICIONAMENTO MERCADOLÓGICO CONTEMPORÂNEO: ESTUDO DE CASO BRECHÓ DONA ANITA. Revista Vincci - Periódico Científico do UniSATC, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 197–224, 2022. Disponível em: https://revistavincci.satc.edu.br/index.php/Revista-Vincci/article/view/269. Acesso em: 9 dez. 2022.

Edição

Seção

Comunicação e Linguagem